segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Salve Jorge, de Glória Perez, é a nova novela das 21h na Globo

A saga de Morena (Nanda Costa) e Theo (Rodrigo Lombardi) terá como cenários o Complexo do Alemão, no Rio de Janeiro pós-pacificação, e a Turquia, local de encontro entre Ocidente e Oriente. “A Turquia exerce um fascínio sobre todos nós. É um país formado por várias camadas históricas, orgulhoso de sua identidade multicultural”, diz o diretor de núcleo Marcos Schechtman.

Nessa nação pulsante, a brasileira Bianca (Cleo Pires) conhecerá o turco Zyah (Domingos Montagner), cogitando se dedicar a um homem pela primeira vez, apesar das grandes diferenças que os separam. Ela é cosmopolita, moderna e efervescente. Ele, rústico e forte como a Capadócia. Será que conseguirão viver um grande amor?

É por meio de tal atração avassaladora, dos núcleos compostos por aldeões do interior da Capadócia e dos comerciantes do lendário Grand Bazaar que o público poderá conhecer mais sobre a Turquia, terra de São Jorge.

Há uma pergunta que sempre é feita no eclodir de uma paixão: por onde eles se atraíram?

Antes de mais nada, pode-se dizer que esse é um caso típico onde os opostos se atraem. Theo (Rodrigo Lombardi) é um Capitão do Exército. Ainda que pertença à categoria considerada mais liberal entre os militares - a cavalaria - é um homem que segue regras e só sabe viver de acordo com planejamentos. Ele precisa que tudo à sua volta esteja em ordem e perfeitamente hierarquizado.

Morena (Nanda Costa) é o inverso disso: tudo nela é improviso e liberdade. Essas características desafiam Theo e o encantam. Até mesmo o desamparo de sua situação social, o faz sentir-se forte e protetor.

Há eletricidade entre os dois. E um obstáculo sempre presente: a Tenente Érica, (Flávia Alessandra), namorada de Theo quando ele conhece Morena.

Theo e Érica trabalham juntos, servindo no mesmo regimento da Cavalaria do Exército. Têm em comum a paixão pelos animais, a disciplina militar e o temperamento justo e generoso. São as afinidades que aproximam os dois.

Áurea (Suzana Faini), mãe de Theo, acha que finalmente, após tantos namoros sem importância, seu filho encontrou em Érica o par ideal. E assim teria sido, se a vida não implicasse também em acordes dissonantes.

Os desencontros do casal serão usados constantemente nas armações do Capitão Élcio (Murilo Rosa), antagonista de Theo e seu rival nas competições de hipismo.

Lívia (Claudia Raia), vilã da trama, é uma mulher sofisticada, estilosa e inteligente, acima de qualquer suspeita. Apresenta-se como agenciadora de talentos artísticos, com contatos preciosos no mundo da moda e do show business. Em função dessas atividades, costuma passar longas temporadas fora do Brasil.

Esse é o retrato oficial. O que fica na sombra é a atividade de agenciadora para tráfico de pessoas. Peça chave na engrenagem dessa nova modalidade de crime, contrata olheiros e providencia as falsificações necessárias para viabilizar a viagem das vítimas, que seduz com promessas de turnês esplendorosas e ofertas de empregos, muito bem pagos, no exterior.

As jovens embarcam acreditando que rapidamente terão dinheiro suficiente para mudar de vida e ajudar a família, mas caem nas garras de uma quadrilha competente, formada pela aliciadora e auxiliar direta, Wanda (Totia Meireles), a gerente de boates, Irina (Vera Fischer), e o chefe da segurança, o Russo (Adriano Garib).

É no escritório de Stenio (Alexandre Nero), Haroldo (Otaviano Costa) e Deborah (Antonia Frering) que Morena vai trabalhar como ajudante geral e trocar confidências com a secretária Lena (Monique Curi), antes de se envolver nas armadilhas de Lívia.

Stenio é um profissional de reconhecida competência. Vaidoso física e intelectualmente, está divorciado há tempos da respeitada delegada Heloisa (Giovanna Antonelli), ainda que, na opinião dos amigos, o casal não tenha conseguido se separar de verdade.

Estão sempre em desavença: na vida pessoal por causa dos desmandos da filha Drika (Mariana Rios), que encontrou um noivo mais inconsequente do que ela, Pepeu (Ivan Mendes); na vida profissional porque Stenio sempre defende e solta os suspeitos que a criteriosa delegada prende. E olha que não são poucos.

Dedicada, Helô tem também uma equipe fiel: o detetive Barros (Marcello Airoldi) e a oficial de cartório Joyce (Thammy Miranda), chamada de escrivã Jô. No decorrer da trama, fará ainda concurso para Delegada Federal e comandará a investigação sobre o tráfico humano, num jogo de gato e rato com a insidiosa Lívia.

Pepeu (Ivan Mendes) e Drika (Mariana Rios) não param de se meter em encrencas. Por conta disso, Stenio (Alexandre Nero) envia o casal para Istambul, aproveitando que seu grande amigo turco Mustafa (Antonio Calloni) lhe ofereceu sociedade em uma loja. A intenção é que Pepeu aprenda o valor do trabalho, se afaste das más companhias e não o coloque em escândalos.

Mustafa é um homem rico e moderno, casado com Berna (Zezé Polessa) e pai adotivo de Aisha (Dani Moreno), que saiu do Brasil ainda bebê. Já criada, no entanto, a jovem começa a questionar os pais sobre seu processo de adoção e sonha conhecer sua família biológica. Ela irá trilhar o caminho de volta às suas origens e se surpreenderá muito nessa trajetória.

Stenio (Alexandre Nero) é um conquistador inveterado e seu novo affair é a estilosa e independente Bianca (Cleo Pires). Juntos, vão à Turquia, e essa viagem, pensada para ser uma verdadeira lua de mel, acaba virando de ponta cabeça a vida dos dois, quando Bianca conhece Zyah (Domingos Montagner). Guia de turismo que os acompanha nos passeios, ele é um viúvo orgulhoso de suas tradições, com profunda ligação com os cavalos. Um homem capaz de misturar uma natureza rude com sensibilidade e cavalheirismo.

Se optar por Zyah, a jovem terá que abandonar todo um estilo de vida, e a sociedade em uma marca de jóias que fechou com Maitê (Cissa Guimarães) antes de sair do Brasil. Além da dificuldade de conciliar visões de mundo tão diferentes, precisará ainda enfrentar a grande família do turco, que habita um vilarejo da Capadócia e é composta pela avó Farid (Jandira Martini), o irmão Kemal (Ernani Moraes), a cunhada Esma (Elisângela), o sobrinho Demir (Tiago Abravanel) e o filho Ekran (Frederico Volkmann). Isso sem falar na geniosa Sarila (Betty Gofman), que voltando à aldeia depois de viúva, acompanhada da enteada Ayla (Tania Kalil) e da filha Tamar (Yanna Lavigne), tem a pretensão de casá-las com Demir (Tiago Abravanel) e Zyah, os solteiros mais cobiçados da aldeia.

Na mansão dos Flores Galvão quem manda mesmo é a pequena Emily, cachorrinha da matriarca dona Leonor (Nicete Bruno), tratada por ela com todas as regalias. Boa observadora da alma humana, esta milionária diverte-se com a ambição dos enteados, que conseguiu reunir à sua volta depois que espalhou estar mal de saúde e sem perspectiva de muito mais tempo de vida.

É bem verdade que Carlos (Dalton Vight) sempre esteve ali, ajudando-a a dirigir a empresa da família. Mas as enteadas, Ada (Natália do Valle) e Rachel (Ana Beatriz Nogueira), nada fizeram a não ser gastar dinheiro com viagens e mesadas, assim como as mulheres do empresário.

Carlos casou-se primeiro com Yolanda (Cristiana Oliveira) com quem teve Caíque (Duda Nagle), e depois com Amanda (Lisandra Souto), mãe de sua filha Carol (Camila Freitas). Hoje, precisa administrar constantemente as desavenças da esposa com a ex e com as irmãs.

No entanto, nem só de conflitos vivem os Flores Galvão. Dona Leonor conta com a cumplicidade do fiel mordomo Thompson (Odilon Wagner), tipo nostálgico do passado, que preza pelas tradições, e da arrumadeira Salete (Flávia Guedes).

A matriarca também possui um coração generoso, que a faz mandar regularmente uma boa quantia em dinheiro para a amiga de longa data Isaurinha (Nívea Maria), uma ex-rica cujo marido, Arturo (Stenio Garcia), perdeu tudo em apostas e manobras arriscadas na bolsa de valores. Mesmo não tendo nem como pagar o condomínio do apartamento onde vivem, os dois não se conformam em levar uma vida mais simples e tentam a qualquer custo manter as aparências.

Celso (Caco Ciocler), filho do casal, também não apresenta o menor senso de realidade. Como o pai, está sempre pensando na próxima grande aplicação. Recusa-se a procurar um emprego estável por não conseguir nem imaginar ser funcionário de alguém.

Machista, controla a mulher, Antônia (Leticia Spiller), uma linda ex-modelo que quer voltar a trabalhar e para isso está disposta a procurar a amiga Lívia (Cláudia Raia), que no passado a descobriu e lançou como modelo. A aproximação tão ingênua com a vilã há de trazer graves consequências na vida de Antonia e de sua família.

Com a pacificação, o Complexo do Alemão vive um momento de euforia. Antigos moradores retornam, como Nilceia (Paula Pereira), tia de Morena, manicure especializada que atende a domicílio. Os turistas chegam pelo teleférico e aparecem inúmeras possibilidades. Tantas que Sidney (Mussunzinho) não para de postar sobre os acontecimentos e a efervescência do lugar nas mídias sociais; o malandro Miro (André Gonçalves) inaugura uma laje para receber turistas; Diva (Neuza Borges) e Clóvis (Walter Breda), donos do bar, multiplicam as mesas e os quitutes para receber os visitantes.

Seu Galdino (Francisco Carvalho) também está com a venda cheia de compradores, apesar de ninguém perceber seu entusiasmo. Nordestino e próximo do célebre Seu Lunga, ele tem pavor a perguntas bobas e aprendeu com o companheiro as tiradas rápidas e mal-humoradas.

Neste núcleo, temos ainda Delzuite (Solange Badin), amiga de Lucimar (Dira Paes), ainda que vivam se desentendendo. Mãe de Lurdinha (Bruna Marquezine) e de Samantha (Karina Ferrari), Delzuite tem um caso antigo com Pescoço (Nando Cunha), que um dia a abandonou por uma “periguete” novinha, mas depois de um tempo na prisão, mostra-se arrependido e disposto a retomar seu casamento.

O Plano Comercial disponibiliza uma cota de patrocínio nacional. Esta cota foi adquirida pela Natura.

Salve Jorge tem autoria de Glória Perez, com direção de núcleo de Marcos Schechtman e direção geral de Marcos Schechtman e Fred Mayrink.

Salve Jorge estreia hoje, dia 22 de outubro, às 21h10. Vai ao ar de segunda a sábado, das 21h10 às 22h20. Novela exibida em alta definição (HD) e com Closed Caption. Classificação indicativa: 14 anos.

Fonte: Diretoria de Comunicação Transmídia - CGCOM




blog comments powered by Disqus