domingo, 22 de janeiro de 2012

Com alta para os anunciantes, Band exibe vários campeonatos de futebol este ano

A temporada 2012 de futebol na Band começou no dia 04 de janeiro com a transmissão de uma partida da Copa São Paulo, que teve a narração de Nivaldo Prieto e os comentários de Denílson.

A Band renovou com a Globo os direitos de exibição, por mais três temporadas, dos Campeonatos Paulista e Carioca, Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro - Série A e a Copa Sul-americana. Serão exibidas 85 partidas relacionadas a esses quatro campeonatos. As transmissões começam hoje, às 16h30, com o início do Paulistão e do Carioca, com os jogos entre São Paulo x Botafogo/SP e Vasco x Americano.

O Campeonato Paulista será transmitido para os estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

E o Campeonato Carioca será transmitido para os estados de Amazonas, Acre, Rondônia, Roraima, Amapá, Pará, Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Distrito Federal.

Além disso, a Band também vai exibir, de 19 de maio a 24 de novembro, 28 partidas da Série B do Campeonato Brasileiro.
E, de fevereiro a maio, nove partidas da fase final da temporada 2011/2012 da Liga dos Campeões da UEFA.

Dia 15 de fevereiro, às 16h45, será a primeira partida da fase final da UEFA.

Entre os dias 9 de junho e 1º de julho, o telespectador vai poder acompanhar as partidas da Eurocopa.

No segundo semestre começa a temporada 2012/2013 da Liga dos Campeões da UEFA.

Preço do Futebol 2012
O Plano Comercial do Futebol 2012 na Band, que inclui o Campeonato Paulista, o Campeonato Carioca, a Copa do Brasil, o Campeonato Brasileiro - Série A e a Copa Sul-americana, disponibiliza seis cotas de patrocínio. Com 2045 inserções, sendo 534 comerciais de 30 segundos, cada cota está avaliada em R$ 140.357.431,25.

No Futebol 2011 essas cotas foram adquiridas por Heineken N.V (Kaiser), Casas Bahia, OI, Caixa Econômica Federal, Ford e Petrobras.

Este ano também existem cinco Cotas de Participação, que é um comercial de 30 segundos por partida, num total de 85, ao preço de R$ 18.288.060,00.

O Plano Comercial do Futebol 2012 apresenta uma alta de 37,19% em relação ao ano anterior. Em 2011, cada cota incluía 2228 inserções, sendo 466 comerciais de trinta segundos, e estava avaliada em R$ 102.305.745,00. A Cota de Participação custava R$ 12.491.810,00, quase 32% menos que este ano.

Audiência
Em 2010, esses campeonatos renderam em todo Brasil (PNT) uma audiência média de 4,3 pontos e 7,9% de share. No ano passado, a audiência média foi de 4 pontos e 8% de share.

Preço do Campeonato Brasileiro Série B

Já o Campeonato Brasileiro Série B é vendido em um Plano Comercial separado. São sete cotas de patrocínio que incluem 504 inserções, sendo 88 comerciais de trinta segundos, a um custo de R$ 24.708.487,00.

No ano passado, das sete, quatro cotas foram comercializadas para Cervejaria Petrópolis (Itaipava), Caixa Econômica Federal, Casas Bahia e Sil (Fios e cabos elétricos).

Há também cinco Cotas de Participação, com 28 comerciais de trinta segundos, avaliadas em R$ 3.850.561,00 cada uma.

A alta nos preços foi ainda maior na transmissão da Série B. Este ano, o preço da cota de patrocínio está 74,42% mais cara que no ano passado, quando custou R$ 14.165.860,00.

Audiência
A transmissão da Série B em 2011 rendeu à Band audiência nacional (PNT) média de 3 pontos e 7% de share.

Preço da UEFA Champions League
O Plano Comercial disponibiliza cotas com 174 inserções, todas são comerciais de 30 segundos, a um custo de R$ 16.370.400,00. Há também a Cota de Participação, com 54 comerciais de trinta segundos, por R$ 10.470.220,00.

Audiência
A temporada passada, 2010/2011, registrou em todo Brasil audiência média de 4,3 pontos e 9,8%.


A transmissão do futebol na Band começa às 16h30, aos domingos, e às 21h30, às quartas-feiras.

Leia mais:
Temporada 2012 de Futebol começa amanhã na Rede Globo
Futebol 2012 na Globo custa R$ 1,044 bilhões; Casas Bahia desiste




blog comments powered by Disqus