sexta-feira, 4 de julho de 2008

Às últimas sobre a desfaçatez da Telefônica

A Tv Record e a Record News têm feito uma cobertura ímpar sobre a questão do "apagão do Speedy". As duas emissoras têm agido com imparcialidade, desmentindo às afirmações da Telefônica, durante os telejornais.

É importante que as pessoas saibam que os problemas NÃO foram resolvidos ainda. Muitas regiões e usuários, principalmente residenciais, estão totalmente sem sinal ou estão recebendo apenas parte do sinal contratado.

Os clientes do Speedy, que aparentemente tiverem sinal, podem e DEVEM fazer medições do sinal através de sites confiáveis que disponibilizam o serviço gratuitamente. Um dos mais confiáveis e usados é o Speedtest.net, que apesar da semelhança no nome, não tem nenhuma ligação com a Telefônica/Speedy.

O site é em inglês, porém o procedimento é simples: entre no site (link), clique sobre o triângulo amarelo no mapa, e aguarde as medições. Quando a medição se encerrar, uma tela apresenta o resultado. Que deve corresponder à velocidade contratada.

Outro site que eu indico é o Testesuavelocidade.com.br. Esse em português.

A Telefônica ainda não achou a exata causa do problema, na última nota emitida afirma: "A Telefônica identificou que o problema teve origem em parte dos equipamentos responsáveis pelo roteamento de sua rede de dados, que atende principalmente clientes corporativos e órgãos públicos. A empresa continua trabalhando para obter informações mais precisas sobre a causa da falha".

Isso se deve à incompetência e a falta de profissionalismo da Telefônica.

À falta de respeito ao ligar para a Telefônica persiste. E o presidente da Telefônica no Brasil, Sr. Antônio Carlos Valente, com proposital cara de coitado e abobalhado, após a ANATEL informar que pode multar a empresa em R$ 50 milhões e o PROCON também informar que pode multar a empresa no valor de mais de R$ 3 milhões, resolveu posar de "bom moço" e informou que todos os clientes terão abatimento em suas contas.

Vale ressaltar que esse é um procedimento OBRIGATÓRIO por parte da empresa, e não impede que os que se sentiram prejudicados pleiteiem uma indenização. Os clientes também devem observar sua próxima conta, e o valor correspondente ao desconto não deve ser inferior a três dias.

Durante um período de até três meses, os clientes podem e devem encaminhar reclamações ao PROCON, através do telefone 151 e a ANATEL, através do telefone 0800 332001.

Vale o conselho! Aqueles que têm em sua região outro serviço de internet, façam à troca. Está comprovado que à Telefônica além de ter os planos mais caros, não tem nenhuma qualidade.


Leia também:
Problema com Speedy persiste, entra no 3º dia
Speedy fora do ar: Como agir?
Telefônica / Speedy bloqueou acesso ao Google Pages!




blog comments powered by Disqus