sábado, 27 de outubro de 2007

Tropa de Elite

Sinopse: 1997. O dia-a-dia do grupo de policiais e de um capitão do BOPE (Wagner Moura), que quer deixar a corporação e tenta encontrar um substituto para seu posto. Paralelamente dois amigos de infância se tornam policiais e se destacam pela honestidade e honra ao realizar suas funções, se indignando com a corrupção existente no batalhão em que atuam.

Nota:

Comentário: A mensagem ou a visão que o filme quer passar é extremamente idealista e até de certa maneira forte e relevante, e eu gosto disso. Porém, acho que essa tática de marketing (pra mim está mais do que claro que a questão da pirataria, e bla bla bla... foi proposital e para aparecer) banalizou e acabou com o que o filme tinha de melhor, aliás com a única coisa que o filme tinha de bom, porque fazer um filme sobre violência do/no Rio é pura prepotência.

Fora isso sempre fica faltando aquele toque de hollywood, de uma simples panela eles conseguem fazer um drama, se duvidar consegue fazer você até chorar, coisa que os filmes brasileiros não conseguem, pois não se apegam aos detalhes. Fora os efeitos especiais, e outros toques que dão vida ao filme. Ou seja, não basta uma boa história (se é que é uma boa história).




blog comments powered by Disqus